Blog
Furo direcional

Furo Direcional: o que é, vantagens e por que fazer

Existem algumas técnicas que podem facilitar muito projetos de construção civil, especialmente para quem quer evitar quebra-quebra e problemas futuros. Um desses métodos é o furo direcional, também chamado de perfuração direcional. Você sabe o que isso significa e por que ele é tão importante? Se a resposta for não, continue a leitura que te explicamos tudo.

O que é furo direcional?

Basicamente, o furo direcional é uma técnica não destrutiva que consiste na realização de um túnel horizontal por onde surgem dutos subterrâneos. Ou seja, o objetivo da técnica é direcionar o equipamento para uma trajetória específica e que deve ser cumprida sem causar impacto ao meio ambiente.

Essa característica torna a perfuração direcional uma tecnologia muito eficiente para travessias, poços, assentamento de tubulações, rodovias, ferrovias, avenidas ou construções.

Além disso, ele também pode ser utilizado para facilitar o acesso à gás encanado industrial para projetos que não previam essa utilização no momento de sua construção ou que precisam de um aperfeiçoamento.

Vantagens da técnica

Comparado ao modelo tradicional de perfuração, o furo local apresenta consideráveis vantagens:

  • Menor impacto na execução do furo;
  • Baixa ocupação de espaços;
  • Pouca interferência na superfície;
  • Menos transtorno e sujeira após a sua realização.

Por isso, diversas empresas e indústrias utilizam o procedimento para abertura de dutos. Afinal, o furo direcional permite que a obra seja mais rápida e eficiente. Isso, por tabela, reduz os custos referentes ao pagamento de funcionários, além claro, de agilizar o uso do sistema em questão, acelerando o retorno do investimento, principalmente em estabelecimentos comerciais e industriais.

Etapas do furo direcional

Basicamente, a técnica de perfuração direcional pode ser feita em três etapas: perfuração, alargamento e instalação do produto. No primeiro caso, um sensor é instalado na broca usada para assegurar a navegação como uma varredura.

Já no segundo, após a realização do furo direcional, a broca e o sensor são trocados por um alargador que tem como objetivo aumentar o furo de acordo com o diâmetro pré-definido. Por fim, temos a instalação dos dutos feita por profissionais qualificados.

O que achou do nosso artigo sobre o que é o furo direcional? Se gostou do conteúdo, curta e compartilhe com os seus amigos. Não esqueça também de acompanhar o nosso blog que, mensalmente, traz os melhores textos sobre o segmento de instalações hidráulicas e manutenção de sistemas de gás.

Até a próxima!

Artigos em destaque

Caça-vazamento: como funciona e as melhores técnicas

Você sabe como o caça-vazamento funciona? Ou mel...

Como instalar cooktop a gás: dicas para evitar dor de cabeça

O cooktop a gás é um eletrodoméstico cada vez m...

Orçamento rápido

telefone